desenvolvido por: 

parceiros: 

49 - SUMARÉ

Cyrtopodium flavum Link & Otto ex Rchb.f.(ORCHIDACEAE)

49- Sumaré – Cyrtopodium flavum Link & Otto ex Rchb.f.(ORCHIDACEAE)

Planta terrícola ou mais raramente crescendo sobre rochas, com característicos pseudobulbos arredondados, compridos e suculentos, de 6 a 8 folhas. Folhas finas, compridas, pontiagudas, com nervuras paralelas, de até 40 cm, pontiagudas e sempre verdes. Flores em conjuntos, amarelas e com sépalas verde-amareladas, labelo dividido em três lóbulos.

Sempre temos uma reverência a mais com as orquídeas. Encontrei alguns exemplares do tipo Sumaré, na Rodovia Anhanguera, em um local tomado por capim braquiária que parecia não ter nada de especial. De longe a florada amarela se destacava, a área estava em obras e coletei dois exemplares antes de revirarem tudo e jogarem terra por cima.

O bairro do Sumaré que está entre o Cemitério do Araçá e a Vila Pompéia, ainda tinha seus morros cobertos de campos até a década de 40. Relatos contam que os funcionários da Companhia Sumaré, pegavam muitos preás para comer ao limpar os terrenos para fazer os loteamentos. O nome da orquídea, deu nome a companhia que por sua vez nomeou o bairro do Sumaré. Curiosamente o nome foi escolhido por um dos sócios o Sr. José Rebello da Cunha, numa visita ao jardim Botânico do Rio de Janeiro, nada tendo a ver com as orquídeas do bairro paulistano, que certamente também deviam fazer parte da paisagem. Hoje esse contexto desapareceu.

Situação em São Paulo: Rara.

Como plantar: O transplante deve ser feito preservando-se ao máximo as raízes e os bulbos. Em plantas mais antigas, é possível fazer divisão de touceira. Aprecia solos ricos em matéria orgânica e bem drenados, sempre cobertos de palhada e folhas secas.

Usos: Planta ornamental, de floração intensa, com possíveis usos no paisagismo. Seu nome popular “cola-de-sapateiro” é uma referência ao seu suco gomoso fortemente pegajoso.

MICKELIUNAS,. BIOLOGIA FLORAL E REPRODUTIVA E ANATOMIA DO LABELO DE CYRTOPODIUM POLYPHYLLUM VELL.(ORCHIDACEAE, CYRTOPODIINAE). DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (BIOLOGIA VEGETAL), UNICAMP, CAMPINAS, 2007.

PANSARIN, L. M.; PANSARIN, E. R.; SAZIMA, M. REPRODUCTIVE BIOLOGY OF CYRTOPODIUM POLYPHYLLUM (ORCHIDACEAE): A CYRTOPODIINAE POLLINATED BY DECEIT.PLANT BIOLOGY, V. 10, N. 5, P. 650-659, 2008.

ROMERO-GONZÁLEZ, G. A.; BATISTA, J.; BIANCHETTI, L.D.B. A SYNOPSIS OF THE GENUS CYRTOPODIUM (CATASETINAE: ORCHIDACEAE). HARVARD PAPERS IN BOTANY, V. 13, N. 1, P. 189-206, 2008

DE OLIVEIRA, SYLVIA ARANHA, SUMARÉ GENTE EM BUSCA DA FLOR. EDITORA STS, SÃO PAULO, 1999.