desenvolvido por: 

parceiros: 

September 12, 2017

February 14, 2016

January 25, 2016

January 21, 2016

January 8, 2016

December 21, 2015

Please reload

Posts Recentes
Posts Em Destaque

mutirão do eu sozinho

7 Dec 2015

Com uma grande área limpa de gramado, fui fazer algumas coletas de espécies de plantas pela cidade. Justamente um dos principais terrenos que visito estava sendo terraplanado, o que colocava um fim a um lugar muito rico em espécies. Cheguei a chamar as pessoas para um mutirão de emergência, mas era um dia da semana e todas estavam ocupadas, então fui sozinho.

Coletei o que pude e voltando á praça, replantei, cuidadosamente seguindo a maneira como estavam posicionadas no terreno. Penso a ação como se estivesse  usando a ferramenta de cortar e colar do Photoshop.

No Cerrado Infinito não tem espaço para paisagismos, ou qualquer tipo de tentativa de conciliação com outros tipos de vegetação que não seja as do cerrado paulistano, pelo simples respeito ao esforço de sobrevivência das plantas que são transplantadas.

Infelizmente nem todo mundo pensa assim, confunde espécies e distintas e biomas, com idéias de racismo e diferenças culturais. Nada a ver, seres humanos todos tsnao iguais com as mesmas necessidades, e misturar só enriquece. Já as plantas é um outro assunto que não tem nenhuma conexão, e a idéia é juntar plantas para recriar uma fitofisionomia especifica originaria da região onde estamos. Não dá pra aceitar colocar plantas que não participam disso, pois além de não conseguirmos o objetivo, muitas plantas podem causar problemas, matando as plantas do cerrado.

O processo do Cerrado Infinito é um processo artificial, com a intenção em algum momento de deixar as plantas criarem uma dinâmica independente, ou natural se preferirem, e para isso tem que ser feito com atenção.

Depois de repetir o processo, fazendo várias viagens de coleta e plantio, a paisagem foi ficando mais fiel ao que visualizo nas caminhadas. Certamente plantando o mais próximo do comportamento natural das plantas, o conjunto se fortalece e ganha autonomia, eliminando a necessidade de manutenção e logo vamos poder deixar o Cerrado decidir como quer se desenvolver.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo

PROCESSO