desenvolvido por: 

parceiros: 

September 12, 2017

February 14, 2016

January 25, 2016

January 21, 2016

January 8, 2016

December 21, 2015

Please reload

Posts Recentes
Posts Em Destaque

majestade horrenda

1 Oct 2015

Nas expedições pela cidade de São Paulo, encontramos alguns terrenos baldios com Língua de tucano, Eryngium horridum, planta típica do cerrado paulistano. Durante uma semana de chuvas com a terra encharcada, coletamos um exemplar adulto. É um transplante arriscado, mas agora entre Setembro e Outubro cresce  um longo caule com inflorescências de mais de 2 metros de altura, e esse espécime poderia dar uma boa noção do volume que essa planta vai ocupar no Cerrado Infinito.

Plantada junto de outras mudas ainda com 30 a 40 cm, a planta centralizou a vista com sua imponência, como se fosse uma coroa esquecida por uma rainha gigante.

A majestade dela durou apenas 3 a 4 dias, quando o tempo mudou abruptamente de chuva constante pra um tórrido sol de 33 graus, e ela foi imediatamente secando. As regas não adiantavam muita coisa, e parecia que no fim foi um grande erro, a planta definhava á olhos vistos.

Mas depois de mais alguns dias, o tempo mudou de novo para chuvas e como se fosse a lenda da Hidra com a cabeça cortada, da lateral da planta surgiram 7 brotos novos.

Curioso pensar o nome científico Horridum em contraposição a sua parente em miniatura a Eryngium elegans. A planta é uma espinhenta indesejável, considerada praga em pastos ocupando a área do capim e atrapalhando o manejo dos animais, certamente é uma das espécies que contribuiram para uma idéia do cerrado como um mato inútil.

A invisibilidade da beleza dessa planta persiste, duas semanas após a coleta, voltamos ao mesmo terreno baldio agora totalmente queimado.

A planta não se nega ao fogo, mesmo chamuscada, continua com o centro bem verde. De certa forma continua bonita, e sim ela vai rebrotar, mas até quando? O erro se revelou um acerto e coletamos então mais dois exemplares, entre vários que ainda estão lá e que continuamos a observar qual será seu destino.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo

PROCESSO