desenvolvido por: 

parceiros: 

41 - MACELA DO CAMPO

Achyrocline satureioides (LAM.) DC.( ASTERACEAE)

42- Jarrinha – Aristolochia galeata Mart. & Zucc. (ARISTOLOCHIACEAE)

 

Planta robusta, trepadeira, com caule tuberoso subterrâneo. Folhas roxas quando jovens, em forma de coração, pecíolo com 2,7 a 9 cm; folha de 5,2 a 15,4 × 6,2 a 16,7 cm, em formato de rim, margem inteira, face superior com pilosidade, e inferior lisa. Flores vistosas, malcheirosas, solitárias ou em grupos, com forma característica de jarro, de coloração púrpura a verde musgo, com manchas. Fruto do tipo cápsula, que, quando seco, abre em forma de paraquedas invertido e libera as sementes, achatadas e leves. Não floresce unicamente no começo do inverno.

 

Distribuição: Ocorre em Goiás, Minas Gerais e do Rio de Janeiro até São Paulo, em diversas formações, de matas de altitude, cerrados a campos rupestres.

Situação em São Paulo: Ocasional em cercas, postes de luz e mesmo em árvores.Apresenta comportamento invasor e crescimento abundante.

Como plantar: Multiplica-se por sementes, que possuem baixa viabilidade, e por pedaços espessados de caule sem folhas, mantidos em solo fértil, bem drenado, com boa umidade e cobertos de palhada ou folhas secas.

Usos: Paisagístico, pela forma de suas folhas e pela floração peculiar, usada como decorativa em cercas e pergolados. Uso medicinal de suas folhas, chamada na medicina popular de cipó-mil-homens.

 

 

CAPELLARI-JUNIOR, L. ARISTOLOCHIACEAE IN: WANDERLEY, M.G.L. ET AL. FLORA FANEROGÂMICA DO ESTADO DE SÃO PAULO. INSTITUTO DE BOTÂNICA, SÃO PAULO, VOL. 2, 2002., PP: 39-50.